- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

STF: Zambelli e hacker viram réus por invasão ao site do CNJ e falso mandado de prisão contra Moraes

© Foto / Luis Macedo/Câmara dos DeputadosDeputada federal Carla Zambelli (PL-SP)
Deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) - Sputnik Brasil, 1920, 21.05.2024
Nos siga no
A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) e o hacker Walter Delgatti Neto se tornaram réus nesta terça-feira (21) pela invasão do sistema eletrônico do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em 2023. Em fevereiro, a Polícia Federal (PF) já havia indiciado a dupla após Delgatti Neto revelar que foi contratado para o serviço, do qual recebeu R$ 40 mil.
A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu por unanimidade aceitar a denúncia contra Carla Zambelli e o hacker Walter Delgatti Neto, que passam a responder a um processo criminal por falsidade ideológica e invasão a dispositivo informático.
Em denúncia encaminhada em abril pelo procurador-geral da República, Paulo Gonet, Zambelli foi acusada de ser a autora intelectual da invasão e procurou o hacker para cometer o crime. Em depoimento à PF, Delgatti chegou a revelar ter recebido R$ 40 mil pelo serviço. Além disso, a deputada pediu ao suspeito para emitir um falso mandado de prisão contra o ministro Alexandre de Moraes, que também é presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Carla Zambelli durante coletiva no Salão Verde da Câmara dos Deputados. Brasília (DF), 2 de agosto de 2023 - Sputnik Brasil, 1920, 05.09.2023
Notícias do Brasil
Coaf aponta suspeita de lavagem de dinheiro em movimentações de Carla Zambelli

Moraes segue relator do caso

O STF também reconheceu a competência de Moraes para atuar como relator do processo, após a defesa alegar impedimento para o ministro atuar no caso. Conforme a Corte, o falso pedido de prisão foi um crime realizado contra o Poder Judiciário, e não apenas Moraes. Além disso, o ministro não está na condição de vítima no processo.
Na sessão, Moraes chegou a ironizar a emissão do documento falso. "Eu chamaria de burrice, achando que isso não fosse ser descoberto", disse em declaração repercutida pela Agência Brasil. Também votaram para tornar réus a deputada e o hacker os ministros Luiz Fux, Cristiano Zanin, Cármen Lúcia e Flávio Dino.

Zambelli não cometeu nenhum crime, diz defesa

Em nota enviada à Agência Brasil, a defesa da deputada federal declarou que não houve nenhum ato ilícito. "A defesa da deputada Carla Zambelli, nada obstante o recebimento da denúncia, novamente irá requerer acesso a todas as mídias para que possa tomar amplo conhecimento desse material e submeter à perícia privada necessária para a apresentação da sua defesa escrita", afirmou o advogado Daniel Bialski.
Logo da emissora Sputnik - Sputnik Brasil
Acompanhe as notícias que a grande mídia não mostra!

Siga a Sputnik Brasil e tenha acesso a conteúdos exclusivos no nosso canal no Telegram.

Já que a Sputnik está bloqueada em alguns países, por aqui você consegue baixar o nosso aplicativo para celular (somente para Android).

Também estamos nas redes sociais X (Twitter) e TikTok.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала