- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Sindicatos de servidores federais da área ambiental acatam determinação do STJ de suspender greve

© ©Ministério da Defesa/Agência BrasilAeronaves do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e das Forças Armadas são enviadas a Mato Grosso do Sul para ajudar no combate aos incêndios no Pantanal
Aeronaves do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e das Forças Armadas são enviadas a Mato Grosso do Sul para ajudar no combate aos incêndios no Pantanal - Sputnik Brasil, 1920, 05.07.2024
Nos siga no
Os sindicatos dos servidores federais da área de meio ambiente informaram nesta sexta-feira (5) que vão suspender a greve iniciada na segunda (1º), por determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A Corte estipulou multa diária de R$ 200 mil às entidades sindicais em caso de descumprimento.
Com isso, os servidores do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) devem retornar ao trabalho em sua integralidade.
A greve foi aprovada em assembleia em 24 de junho, e a paralisação afetou 25 estados e o Distrito Federal, segundo a Advocacia-Geral da União (AGU).
O STJ atendeu a um pedido da AGU e considerou essenciais as atividades desses órgãos, não podendo ser interrompidas em nenhum grau.
A Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef) e a Associação Nacional dos Servidores da Carreira de Especialista em Meio Ambiente (Ascema) anunciaram, em nota conjunta, que "acatarão a decisão, o que não implica em concordância", e que entraram com um recurso.

"Apenas as áreas específicas ordenadas pela decisão judicial voltarão às atividades, os demais servidores seguirão em greve", completa a nota.

Ibama apreende 44 pássaros em ação de combate ao tráfico de fauna em Itajaí (SC), em 10 de dezembro de 2019 - Sputnik Brasil, 1920, 24.06.2024
Notícias do Brasil
Servidores ambientais federais iniciam greve em 4 estados; outros 17 começam paralisação em julho
As negociações entre o governo federal e os servidores começaram em outubro do ano passado. Além de reajustes salariais e melhorias na carreira, os trabalhadores cobram manutenção de 10% dos servidores nos serviços de licenciamento ambiental e 100% do atendimento a emergências em unidades de conservação, bem como a continuidade integral dos trabalhos de combate ao fogo por brigadistas e supervisores contratados.
A decisão abrange servidores da carreira de Especialista em Meio Ambiente, composta pelos cargos de gestor ambiental, gestor administrativo, analista ambiental, analista administrativo, técnico ambiental, técnico administrativo e auxiliar administrativo.
O pedido da AGU foi protocolado na segunda-feira (1º), dia de início da paralisação, argumentando que a greve era abusiva diante da proposta do governo federal de conceder reajuste real nos salários dos servidores.
Logo da emissora Sputnik - Sputnik Brasil
Acompanhe as notícias que a grande mídia não mostra!

Siga a Sputnik Brasil e tenha acesso a conteúdos exclusivos no nosso canal no Telegram.

Já que a Sputnik está bloqueada em alguns países, por aqui você consegue baixar o nosso aplicativo para celular (somente para Android).

Também estamos nas redes sociais X (Twitter) e TikTok.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала